18 de setembro de 2017.

Vários investigadores da Universidade Politécnica de Cartagena (UPCT), incluindo José Alberto Acosta e Silvia Martínez, realizaram uma nova amostragem da planta Tidensia no distrito mineiro de Cartagena-La Unión. O objetivo do monitoramento desta planta é controlar a qualidade do ar, bem como o impacto dos depósitos de mineração contaminados e a efetividade das medidas de remediação implementadas.

SoilTake Care